Empagliflozina, Isolada ou em Combinação com Linagliptina, Previne Esteatose Hepática no Novo Modelo de Roedor com NASH

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Autores:

T. Jojima , T. 1 1 1 Tomotsune , T. Iijima , K. Suzuki , 1 Y. Aso . 1Dokkyo Médica, Endocrinologia e Metabolismo, Mibu, Japão.

Fonte:

Congresso IDF 2015 Vancouver.

Background

Os inibidores do co-transportador-2 sódioglicose(SGLT2) são novos medicamentos antidiabéticos orais que, promovendo a excreção da glicose pela urina, reduzem a hiperglicemia. A glicosúria produzida por inibidores de SGLT2 está associada com perda de peso, principalmente devido à redução do volume de gordura.

Objetivo e Métodos

Foram investigados os efeitos da empagliflozina (inibidor de SGLT2 seletivo) e linagliptina (inibidor da DPP-4) sobre a esteatose hepática e fibrose em um modelo de rato com esteatose hepática não alcoólica (NASH) com Diabetes.

Resultados

Um novo modelo de NASH foi gerado por administração de estreptozotocina a roedores C57BL / 6J aos 2 dias de idade, com uma dieta de alto teor de gordura a partir de 4 semanas. Camundongos NASH com idade de 6 semanas foram divididos em quatro grupos de 6 animais para receber: veículo, linagliptina (10 mg/kg), empagliflozina (10 mg/kg) e linagliptina + empagliflozina. O score histológico de atividade da doença do fígado gorduroso não alcoólica foi significativamente menor nos grupos recebendo empagliflozina e linagliptina + empagliflozina do que nos grupos recebendo veículo ou linagliptina. Expressão hepática de genes inflamatórios (fator de necrose tumoral-a, interleucina-6, e proteína-1 quimioatrativa de monócitos ) foi reduzida no grupo empagliflozina e nos grupos empagliflozina + linagliptina em comparação com o grupo recebendo veículo. A imuno-histoquímica mostrou que a expressão de a-actina de músculo liso, um marcador de miofibroblastos (fibrose), foi reduzida no grupo linagliptina+ empagliflozina em comparação com o grupo veículo, assim como expressão de RNA m tipo 1 e 3 do colagénio. Linagliptina + empagliflozin diminui a expressão de RNAm de genes relacionados com a sintese dos ácidos graxos, mas não aumentou o RNAm para os genes relacionados à b-oxidação.

Discussão

Em conclusão, enquanto empagliflozina isolada atenua o desenvolvimento de NASH mostrando efeitos anti-esteatóticos e antiinflamatórios, a administração combinada de empagliflozina e linagliptina melhora sinergicamente a NASH com efeitos antifibróticos e anti-inflamatórios mais potentes. n

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.