Maior Atenção à Doença Renal é Essencial para Aqueles com Diabetes Tipo 1 há Muitos Anos, Dizem os Pesquisadores

Maior Atenção à Doença Renal é Essencial para Aqueles com Diabetes Tipo 1 há Muitos Anos, Dizem os Pesquisadores
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Pesquisadores norte-americanos pediram maior rastreio de risco de doença renal em pessoas diagnosticadas com com Diabetes Tipo 1 há mais de 50 anos

Um novo estudo publicado no Diabetes Care revela que ter Diabetes Tipo 1 durante 50 anos aumenta o risco de doença renal, também conhecida como nefropatia diabética, e embora a incidência de insuficiência renal diminua, as incidências de microalbuminúria e macroalbuminúria não.

“Devemos, portanto, expandir nosso foco para gerenciar intensamente os fatores de risco de doenças renais (por exemplo, colesterol, pressão arterial) e incentivar projetos de pesquisa com o objetivo de identificar fatores de risco atualmente desconhecidos, uma vez que eles podem oferecer uma oportunidade adicional para reduzir o desenvolvimento de doença renal”, disse a autora principal, Tina Costacou, PhD, professora associada de epidemiologia da Universidade de Pittsburgh.

O estudo analisou o risco acumulado de complicação renal com pacientes diabéticos há 50 anos entre uma coorte de 932 pessoas diagnosticadas com Diabetes Tipo 1 como crianças entre 1950 e 1980.

A incidência cumulativa de microalbuminúria, macroalbuminúria, doença renal e mortalidade por todas as causas aumentou com maior duração do Diabetes. No entanto, ao comparar os pacientes diagnosticados após 1965 com aqueles diagnosticados entre 1950 e 1965, observou-se um declínio nas taxas de doenças renais.

Uma hipótese para isso deve-se ao aumento da expectativa de vida entre pessoas com Diabetes Tipo 1. Isso, acreditam os pesquisadores, é atribuível a maiores melhorias no cuidado do Diabetes, o que significa que o número afetado pela doença renal também aumentará.

“É, portanto, crucial que possamos nos concentrar nos esforços de prevenção e diminuir o desenvolvimento de até mesmo sinais precoces de doença renal”, acrescentou Costacou.

Pessoas com Diabetes podem atrasar ou prevenir a nefropatia diabética, mantendo um bom controle de níveis de açúcar no sangue e pressão arterial, além de acompanhar anualmente exames gerais de saúde para que os médicos possam verificar se há sinais precoces de doença renal e tomar medidas para limitar sua progressão.

Fonte: diabetes.co.uk, de 25/09/2017.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.