O Impacto da Atividade Física em Jovens com Diabetes Tipo 1

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

 

Fonte: diabetesincontrol Phsyical activity interventions in children and young people with Type 1 diabetes mellitus: a systematic review with meta-analysis.
Notícia publicada em: 05.11.2014
Autor: Quirk H, Blake H, R Tennyson, Randell TL e Glazebrook C

Devido ao aumento do risco de doença cardiovascular em pacientes com diabetes tipo 1, a atividade física é aconselhável.

Esta recomendação é usada em combinação com a terapia com insulina e algumas modificações dietéticas.

Enquanto recomendações estão ” na ordem do dia ” sugerindo a prática regular da atividade física entre a população juvenil com diabetes tipo 1, os jovens com diabetes são menos ativos do que os jovens não diabéticos.

O objetivo desta meta-análise foi determinar qual o impacto que a prática da atividade física tinha sobre os resultados na saúde em pacientes jovens com diabetes tipo 1.

A pesquisa incluiu tanto ensaios aleatórios e como ensaios não randomizados.

Um total de 26 estudos foram incluídos nesta meta-análise.

A atividade física foi definida como aeróbica isoladamente ou em combinação com treinamento de força.

Aqueles dos grupos de controle foram aconselhados a continuar as suas atividades diárias normais.

A intensidade da atividade física não foi relatada em todos os estudos.

Os resultados avaliados nesta análise incluiram as dosagens de HbA1c, colesterol total, índice de massa corporal e a dose diária de insulina.

Os resultados da meta-análise mostraram que a prática de atividade física levou:

  • Uma redução na HbA1c, (diferença média padronizada CI -0,52, 95% – 0,97 a -0,07, P = 0,02);
  • Uma redução no colesterol total (diferença média normalizada -0,91, IC 95% -1,66 a 0,17; P =0,02);
  • Uma diminuição no índice de massa corporal (diferença média padronizada -0,41, IC 95% -0,70 a -0,12, P = 0,006);
  • Nenhuma alteração na dose diária de insulina não foi observado quando comparado o grupo de intervenção com o grupo controle (P = 0,07).

Os pesquisadores concluíram que as melhorias foram vistas na redução da HbA1c, no índice de massa corporal e no colesterol total.

Cada um destes resultados de melhoria na qualidade de saúde pode diminuir o risco de doenças cardiovasculares e outras complicações associadas com a diabetes.

A atividade física e intensidade variou muito entre os estudos utilizados para esta análise. Estudos futuros podem ser realizados para determinar qual o tipo específico de prática de atividade física pode proporcionar os melhores resultados para os pacientes nesta população.

Pontos Relevantes:

Pacientes jovens com diabetes tipo 1 tem maior risco para a doença cardiovascular e complicações microvasculares

Enquanto a atividade física é incentivada em diabéticos tipo 1, muitos pacientes jovens são menos ativos do que os indivíduos saudáveis

Estudos dessa meta-análise mostraram que uma intervenção com prática de atividade física pode ter um impacto positivo na redução da HbA1c, índice de massa corporal e colesterol total no diabetes tipo 1.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.