Diabetes e sua Associação com Demência

Diabetes e sua Associação com Demência
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Indivíduos com diabetes que sofrem de hipoglicemia tem um maior risco de desenvolver disfunção cognitiva e demência.

O diabetes geralmente é um fator de risco comum para o desenvolvimento de várias comorbidades, incluindo a morbidade e mortalidade cardiovascular. Sabe-se também que a doença cardiovascular é a principal causa de morte entre indivíduos com diabetes. No entanto, descobertas recentes também sugerem que o diabetes tem sido associado ao desenvolvimento de demência e outras disfunções cognitivas. Esta prevalência de doenças neurodegenerativas tem aumentado constantemente ao longo dos anos. Em uma revisão recente do artigo, intitulada “Hipoglicemia e Demência”, autores visam descobrir fatores que influenciam a ligação entre diabetes e demência, observando vários estudos realizados ao longo dos anos.

O mecanismo exato pelo qual o diabetes causa demência e outras disfunções cognitivas ainda está por ser determinada. No entanto, outros fatores plausíveis como a hipoglicemia desempenham um papel importante no desenvolvimento da demência. O diabetes pode levar à demência, diminuindo o limiar das placas amilóides necessárias no tecido cerebral. Além disso, o aumento do risco de complicações microvasculares associadas com diabetes pode aumentar o risco de demência vascular. Além disso, a resistência à insulina e a hiperinsulinemia também são conhecidos como principais fatores de risco, causando uma acumulação de proteínas amilóides B (AB) e proteínas hiperfosforilantes. O mecanismo pelo qual isso ocorre é através da glicação avançada de produtos finais da hiperglicemia, que por sua vez induzem a glicação das proteínas AB e resultando em demência.

Os dados e os resultados de três estudos foram examinados quanto à precisão entre o link de diabetes e demência. Em um estudo, as razões de risco relativo foram determinadas para o desenvolvimento da doença de Alzheimer e demência vascular entre pacientes com diabetes. O risco relativo para a doença de Alzheimer foi de 1,56 (IC 95%) e o risco relativo de demência vascular foi de 2,27 (IC 95%). Essas observações foram feitas entre pessoas com e sem diabetes. Em um estudo realizado na Coréia em 1.957 adultos com 60 anos ou mais sem história de hipoglicemia grave, o risco relativo de demência e demência vascular foram 1,4 (IC 95%) e 2,8 (IC 95%), respectivamente. Além disso, em um estudo retrospectivo, incluindo 16.667 pacientes idosos com diabetes, o risco de demência aumentou em 26% com uma razão de risco de 1,26 e IC de 95%. Além disso, nesse mesmo estudo retrospectivo, A taxa de morbidade e mortalidade de pacientes com diabetes e demência foi relatada como sendo duas vezes maior que pacientes com demência não diagnosticados com diabetes (hazard ratio, 1,9; IC 95%, 1,3 a 2,9). Os resultados do estudo acima enfatizam que o risco de demência aumenta significativamente com o aumento dos episódios de hipoglicemia.

No estudo de coorte do National Diabetes Program (KNDP) da Coréia, a hipoglicemia foi a principal condição clínica observada durante o tratamento de pacientes com diabetes. A incidência de hipoglicemia em pacientes com diabetes com idade inferior a 50 anos foi observada em 3,72 casos por 1.000 anos-pessoa. Esta prevalência de hipoglicemia aumentou constantemente com a idade, atingindo 15,75 casos por 1.000 pessoas em indivíduos idosos. Muitos estudos demonstraram que a hipoglicemia pode afetar negativamente o curso clínico e o tratamento de um paciente com diabetes. O impacto sobre o qual os episódios hipoglicêmicos ocorrem e a duração que eles duram pode levar a encefalopatia hipoglucêmica. Além de hipoglicemia, fatores como comorbidades múltiplas, subnutrição e polifarmácia também contribuem significativamente para a maior disfunção cognitiva.

As estratégias para reduzir eventos hipoglicêmicos em pacientes com diabetes foram formuladas para incluir controle flexível de glicose no sangue em indivíduos com diabetes em oposição a controles mais rigorosos. O controle apropriado da glicose no sangue pode ajudar a garantir resultados clínicos positivos e prognóstico entre os pacientes com diabetes. Além disso, hábitos alimentares saudáveis regulares e exercícios são contribuintes importantes para resultados positivos em diabetes e comprometimento cognitivo. Além disso, o uso de medicamentos anti-diabetes com baixos eventos hipoglicêmicos também são importantes para a saúde geral e bem-estar de indivíduos com diabetes.

É evidente que a hipoglicemia é uma condição vivida por muitas pessoas com diabetes. No entanto, a necessidade de reduzir a quantidade e a gravidade dos episódios de hipoglicemia não é apenas justificada, mas é necessária. Se não for tratada, a hipoglicemia pode afetar negativamente a vida de uma pessoa com diabetes e aumentar a probabilidade de deficiências cognitivas, levando em última instância a estados de doença como demência vascular e doença de Alzheimer. É imperativo que abordagens terapêuticas individualizadas sejam tomadas no tratamento de pessoas com diabetes. Os objetivos para controlar os níveis de glicose no sangue, manter o uso adequado de medicamentos, aplicar hábitos alimentares saudáveis e estilos de vida e monitorar comorbidades associadas ao estado de diabetes são algumas das várias maneiras de prevenir outras complicações futuras.

Pontos Relevantes:

  • Diabetes é a principal causa de vários estados de doenças crônicas, incluindo demência e doença de Alzheimer.
  • O número de episódios hipoglicêmicos e a duração de cada um podem afetar negativamente os resultados em uma pessoa com diabetes.
  • A hipoglicemia, o mau uso de medicamentos e múltiplos estados co-mórbidos associados com diabetes podem aumentar a probabilidade de demência.

Referencias:

  1. Rhee, Sang Youl. “Hypoglycemia and Dementia.”Https://doi.org/10.3803/EnM.2017.32.2.195. N.p., n.d. Web. 12 July 2017.
  2. Ravona-Springer, Ramit, and Michal Schnaider-Beeri. “The association of diabetes and dementia and possible implications for nondiabetic populations.” Expert review of neurotherapeutics. U.S. National Library of Medicine, Nov. 2011. Web. 12 July 2017.

Fonte: diabetes in control, 22/07/2017.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.